Estimulado pela autorização de cidadania por naturalização a netos de portugueses, o fenômeno da dupla cidadania entre Brasil e Portugal pode crescer ainda mais com as novas regras. Segundo dados do Ministério da Justiça luso, 87.033 cidadanias foram concedidas a brasileiros entre os anos de 2010 e 2016.

Atualmente, a viabilização do processo para estrangeiros, principalmente brasileiros, é favorável para Portugal devido a chegada de pessoas em idade ativa a um país que luta contra a diminuição e o envelhecimento de sua população.

Acesso livre para Estados-membros da União Europeia

Com a aquisição do passaporte do país português, os brasileiros passam a ter acesso livre aos Estados-membros da União Europeia, além de estarem dispensados de vistos para visitar 170 países, entre os quais Estados Unidos e Japão.

Antes da aprovação do novo decreto, os brasileiros que não viviam em Portugal só poderiam conseguir a nacionalidade portuguesa se tivessem ascendência lusa, se fossem casados ou estivessem em união estável com um português. 

Leave your comment